sexta-feira, 1 de outubro de 2010

INAUGURA A LOJA BMW EM CUIABÁ - COMERCIALIZARÁ CARRO, MOTO E MINI COOPER










Primeira concessionária da marca no Centro-Oeste nem abriu as portas e já contabiliza cerca de 20 negócios na Capital

Geraldo Tavares/DC


Cuiabá ganhou a primeira concessionária da marca alemã no Centro-Oeste. Ritmo acelerada para deixar tudo pronto até quinta

MARCONDES MACIEL
Da Reportagem

Famosa por seus carros de alto luxo, a alemã BMW ancora seus investimentos em Cuiabá com a expectativa de suprir a demanda gerada por um público exigente na região. Antes mesmo da abertura da loja, que é cercada de grande expectativa por ser a primeira em um Estado da região Centro-Oeste, a BMW já contabiliza cerca de 20 negócios em Cuiabá.

A concessionária que representará a marca é a Galaxie Motors (pertencente ao grupo Canopus), na Avenida Fernando Correa, a ser inaugurada amanhã. A loja vai gerar cerca de 30 empregos diretos. O valor do investimento não foi revelado.

Os preços dos modelos variam de R$ 90 mil (Mini Cooper) a R$ 630 mil - - BMW Série 7 (760 Li). O modelo mais barato da marca BMW custa em torno de R$ 100 mil (118 i), e o mais caro da marca Mini custa R$ 147 mil. Já os preços das motos oscilam entre R$ 31 mil (G 650 GS) a R$ 96 mil (K 1300 GT Premium).

Flúvio informou que o modelo BMW mais vendido no Brasil é o X1, que custo a partir de R$ 118 mil. Das 20 unidades já comercializadas pela Galixie, 12 são carros BMW, quatro motos e quatro Mini Cooper.

“A aceitação da marca é ótima em todo o país e aqui em Mato Grosso não está sendo diferente”, comemora o gerente geral da Galaxie Motors, Francisco Flúvio da Silva. Junto com a BMW, chega a Cuiabá também a inglesa Mini, com modelos atrativos para os amantes de carros de luxo.

De acordo com a direção da BMW, a estratégia da companhia é ampliar a rede de concessionárias, num processo de interiorização no país. Após a inauguração da loja de Cuiabá, outras cidades, como Campo Grande (MS) e Goiânia (GO) se preparam para receber a marca.

De acordo com Flúvio, a BMW chega a Mato Grosso atraída pelos ótimos indicadores econômicos locais. “Cuiabá está em crescimento, a economia do Estado está em expansão e o agronegócio vem registrando excelente desempenho nos últimos anos. Tudo favoreceu a vinda da BMW a Mato Grosso”.

Ele revelou que a vinda da empresa era um projeto antigo do grupo Canopus, “que identificou a carência por uma marca prêmio nesse estilo, voltado para atender o público ‘A’ com modelos altamente sofisticados”.

A presença da BMW em Mato Grosso vinha sendo negociada desde o ano passado pela Canopus. “[A BMW] é uma das marcas mais valorizadas do mundo e uma das que mais cresceu no Brasil”, ressalta Flúvio.

Segundo levantamento, as vendas da BMW bateram recorde no ano passado. A marca registrou alta de 118,8% nas vendas, que totalizaram 6,3 mil unidades em 2009. A expansão é justificada pela empresa como resultado da nova estratégia de vendas e marketing adotada no início de 2009 e também ao aumento do portfólio de produtos, o que inclui os modelos BMW 118i e BMW Série 1, com nova motorização, e a 320i com novo pacote.

Para 2010, a BMW prevê um aumento de 50 mil veículos vendidos em todo o mundo, o que levaria a produção a um total de 1,3 milhão. No segundo trimestre de 2010, a montadora alemã apresentou lucro líquido de 834 milhões de euros, cerca de US$ 1,1 bilhão. A BMW do Brasil foi a de melhor performance da marca no mundo em 2009.

METAS – De acordo com o gerente da Galaxie Motors, a BMW chega a Mato Grosso com a meta de comercializar pelo menos 80 unidades até o final deste ano, gerando uma comercialização em torno de R$ 10 milhões. “Já estamos com cerca de 20 vendas concretizadas só por conta da chegada da loja e muitos clientes estão aguardando a inauguração para confirmar novos negócios”, informa.


Primeira concessionária da marca no Centro-Oeste nem abriu as portas e já contabiliza cerca de 20 negócios na Capital

Geraldo Tavares/DC


Cuiabá ganhou a primeira concessionária da marca alemã no Centro-Oeste. Ritmo acelerada para deixar tudo pronto até quinta

MARCONDES MACIEL
Da Reportagem

Famosa por seus carros de alto luxo, a alemã BMW ancora seus investimentos em Cuiabá com a expectativa de suprir a demanda gerada por um público exigente na região. Antes mesmo da abertura da loja, que é cercada de grande expectativa por ser a primeira em um Estado da região Centro-Oeste, a BMW já contabiliza cerca de 20 negócios em Cuiabá.

A concessionária que representará a marca é a Galaxie Motors (pertencente ao grupo Canopus), na Avenida Fernando Correa, a ser inaugurada amanhã. A loja vai gerar cerca de 30 empregos diretos. O valor do investimento não foi revelado.

Os preços dos modelos variam de R$ 90 mil (Mini Cooper) a R$ 630 mil - - BMW Série 7 (760 Li). O modelo mais barato da marca BMW custa em torno de R$ 100 mil (118 i), e o mais caro da marca Mini custa R$ 147 mil. Já os preços das motos oscilam entre R$ 31 mil (G 650 GS) a R$ 96 mil (K 1300 GT Premium).

Flúvio informou que o modelo BMW mais vendido no Brasil é o X1, que custo a partir de R$ 118 mil. Das 20 unidades já comercializadas pela Galixie, 12 são carros BMW, quatro motos e quatro Mini Cooper.

“A aceitação da marca é ótima em todo o país e aqui em Mato Grosso não está sendo diferente”, comemora o gerente geral da Galaxie Motors, Francisco Flúvio da Silva. Junto com a BMW, chega a Cuiabá também a inglesa Mini, com modelos atrativos para os amantes de carros de luxo.

De acordo com a direção da BMW, a estratégia da companhia é ampliar a rede de concessionárias, num processo de interiorização no país. Após a inauguração da loja de Cuiabá, outras cidades, como Campo Grande (MS) e Goiânia (GO) se preparam para receber a marca.

De acordo com Flúvio, a BMW chega a Mato Grosso atraída pelos ótimos indicadores econômicos locais. “Cuiabá está em crescimento, a economia do Estado está em expansão e o agronegócio vem registrando excelente desempenho nos últimos anos. Tudo favoreceu a vinda da BMW a Mato Grosso”.

Ele revelou que a vinda da empresa era um projeto antigo do grupo Canopus, “que identificou a carência por uma marca prêmio nesse estilo, voltado para atender o público ‘A’ com modelos altamente sofisticados”.

A presença da BMW em Mato Grosso vinha sendo negociada desde o ano passado pela Canopus. “[A BMW] é uma das marcas mais valorizadas do mundo e uma das que mais cresceu no Brasil”, ressalta Flúvio.

Segundo levantamento, as vendas da BMW bateram recorde no ano passado. A marca registrou alta de 118,8% nas vendas, que totalizaram 6,3 mil unidades em 2009. A expansão é justificada pela empresa como resultado da nova estratégia de vendas e marketing adotada no início de 2009 e também ao aumento do portfólio de produtos, o que inclui os modelos BMW 118i e BMW Série 1, com nova motorização, e a 320i com novo pacote.

Para 2010, a BMW prevê um aumento de 50 mil veículos vendidos em todo o mundo, o que levaria a produção a um total de 1,3 milhão. No segundo trimestre de 2010, a montadora alemã apresentou lucro líquido de 834 milhões de euros, cerca de US$ 1,1 bilhão. A BMW do Brasil foi a de melhor performance da marca no mundo em 2009.

METAS – De acordo com o gerente da Galaxie Motors, a BMW chega a Mato Grosso com a meta de comercializar pelo menos 80 unidades até o final deste ano, gerando uma comercialização em torno de R$ 10 milhões. “Já estamos com cerca de 20 vendas concretizadas só por conta da chegada da loja e muitos clientes estão aguardando a inauguração para confirmar novos negócios”, informa.

quarta-feira, 29 de setembro de 2010

XRE 300 E CB 300 2011 - NOVAS CORES

PRETA
AMARELA METÁLICA VERMELHA
PRETA
AMARELA METÁLICA
NOVA COR - AZUL METÁLICA ( SAIU A PRATA )
NOVA COR - VERMELHO METÁLICO ( NOVA TONALIDADE )

CB 300R e XRE 300 ganham novas cores

Os modelos da linha 300 cc da Honda agregam ainda mais sofisticação e diferenciação

A CB 300R e a XRE 300, apresentadas ao público em junho de 2009, já conquistaram o mercado brasileiro e se consolidaram como grandes sucessos em vendas. Em seu primeiro ano de vida, foram comercializadas mais de 100.000 unidades da CB 300R, atingindo 65% de participação na sua categoria (até Ago/10), enquanto a XRE 300 chegou a mais de 30.000 unidades vendidas no mesmo período, atingindo 82% de participação no segmento.

Parte desse sucesso se deve à inovação trazida por ambas, que inauguraram a categoria de 300 cc da Honda. Desenvolvidas para ampliar a atuação da marca no segmento de média cilindrada, oferecem pilotagem emocionante e desempenho superior devido à sua maior cilindrada.

Disponíveis nas concessionárias de todo o País desde setembro, os modelos 2011 apresentam ainda mais sofisticação e arrojo, por suas inéditas cores. Para a CB 300R, a novidade fica por conta da cor azul metálica com imagem arrojada, que substitui a prata metálica. Além disso, seus espelhos retrovisores ganharam novo design e acabamento em preto fosco. Já na XRE 300, a cor vermelha ganhou nova tonalidade de cor metálica agregando imagem mais sofisticada ao conceito “Adventure” do modelo.


Além das novidades, a CB 300R mantém as versões de cores vermelha, preta e amarela metálica, enquanto que a XRE 300 mantém as versões preta e amarela metálica. O preço público sugerido de ambas foi mantido: R$ 11.490,00 para a CB 300R e R$ 12.890,00 para a XRE 300. Os valores têm como base o estado de São Paulo e não incluem despesas com frete e seguro. A garantia dos modelos é de um ano, sem limite de quilometragem.




CB 300R: esportividade e força

Dentre os inúmeros fatores que contribuíram com o sucesso da CB 300R está seu design, que adota o conceito “street fighter”, transmitindo força na dianteira e leveza na traseira.

O conjunto frontal tem formas aerodinâmicas, com identidade visual marcante. O farol, com refletores multifocais, garante boa visibilidade noturna e sua carenagem, integrada ao conjunto, amplia a sensação de porte à motocicleta. O tanque, com capacidade de 18 litros (reserva de 3 litros), possui linhas acentuadas, vincos e curvas que potencializam sua robustez e esportividade.

A traseira apresenta lanterna exclusiva e rabeta curta e afilada, reforçando sua leveza. O assento em dois níveis proporciona melhor ergonomia e garante o conforto tanto do piloto quanto do garupa. Para este há ainda alças em alumínio com formato exclusivo, que oferecem conforto e segurança.

O motor de 291,6 cm3, DOHC (Double Over Head Camshaft), com duplo comando de válvula no cabeçote, monocilíndrico, quatro tempos, com quatro válvulas e radiador de óleo, confere à motocicleta agilidade na pilotagem urbana e desempenho superior nas estradas.

A alimentação é feita por sistema de injeção eletrônica de combustível PGM-FI (Programmed Fuel Injection), que permite funcionamento uniforme, acelerações progressivas e lineares, respostas imediatas ao comando do acelerador. Tudo isso resulta em um torque máximo de 2,81 kgf.m a 6.000 rpm e em uma potência de 26,53 cv a 7.500 rpm.

O sistema de injeção eletrônica PGM-FI, aliado ao catalisador instalado no escapamento do modelo, faz com que ele atenda ao Promot (Programa de Controle da Poluição do Ar por Motociclos e Veículos Similares) em níveis bem abaixo dos estabelecidos pela legislação.

O chassi, do tipo berço semiduplo em aço tubular, proporciona resistência às torções e excelente dirigibilidade. O modelo é equipado com partida elétrica e bateria selada, isenta de manutenção periódica.

As suspensões dianteira, do tipo garfo telescópico com 130 mm de curso, e traseira, do tipo monoamortecida com 105 mm de curso, oferecem estabilidade e conforto. A CB 300R utiliza pneus esportivos largos e de perfil baixo, que garantem estabilidade, tração e aderência. Já as rodas de alumínio de cinco raios duplos e 17’’ possuem desenho exclusivo, reforçando a esportividade.

O painel traz tacômetro de ponteiro em combinação com velocímetro, hodômetros total e parcial e marcador de nível de combustível no display digital, além de luzes indicadoras da injeção eletrônica, neutro, farol alto e sinalizadores de direção.

A motocicleta conta também com o Sistema Honda de Proteção, composto por shutter-key (fechadura adicional acionada com chave sextavada e combinações magnéticas) e comb-lock (trava do guidão combinada à chave de ignição).

XRE 300: versatilidade e conforto

Visual ”Adventure” aliado a uma pilotagem confortável, adequada tanto ao uso nas cidades quanto ao uso “Touring”, incluindo estradas não pavimentadas. Esta é a receita de sucesso da XRE 300, com DNA On-Off em todo o seu projeto. As linhas agressivas e modernas transmitem sofisticação, imponência e, consequentemente, grande diferenciação na categoria.

Na dianteira, o farol multi-refletor com lente em policarbonato de 60/55W oferece excelente visibilidade noturna e é envolto por uma carenagem preta texturizada, que garante grande resistência a riscos. Já o paralama principal, integrado à carenagem do farol e aos defletores laterais, possui formas que transmitem a sensação de força e velocidade.

O painel é completo e totalmente digital. Está integrado à carenagem do farol e traz marcador de combustível, tacômetro, velocímetro, hodômetros total e parcial, além de luzes-espia da injeção eletrônica, piscas, farol alto e neutro.

O escapamento de saída alta possui protetor em prata; as rodas raiadas de 21 polegadas na dianteira e 18 polegadas na traseira, com aros em alumínio na cor preta; e os pneus de uso misto conferem porte e reforçam o visual aventureiro.

Na traseira, o conjunto óptico é formado por lanterna e sinalizadores independentes, suporte de placa alto e alças em alumínio integradas ao bagageiro em nylon de alta resistência. As alças largas proporcionam conforto e segurança para o garupa, enquanto o bagageiro facilita a acomodação de carga, uma vez que possui pontos de fixação pré-definidos para a instalação de bauleto (disponível no mercado).

A motocicleta traz motor de 291,6 cm3, DOHC (Double Over Head Camshaft), monocilíndrico, quatro tempos, arrefecido a ar e com radiador de óleo, que, em combinação com a injeção eletrônica PGM-FI, possibilita respostas imediatas ao comando do acelerador. Desenvolve potência máxima de 26,1 cv a 7.500 rpm e torque de 2,81 kgf.m a 6.000 rpm, que proporcionam agilidade e desempenho em qualquer situação de uso.

A injeção eletrônica PGM-FI, aliada ao catalisador no sistema de exaustão da motocicleta, faz com que a XRE 300 também atenda com folga aos índices de emissões de poluentes estabelecidos pelo Promot.

A XRE 300 possui câmbio de cinco velocidades, com escalonamento que permite o aproveitamento da potência e do torque, exigindo menos trocas de marchas. O modelo é equipado com partida elétrica, tanque de combustível com capacidade para 12,4 litros (reserva de 2,3 litros) e bateria selada, isenta de manutenção periódica.

O chassi, do tipo berço semi-duplo, oferece agilidade e fácil pilotagem, além de comportamento mais estável em qualquer situação. A ergonomia é garantida pelo assento em dois níveis, que privilegia o conforto e proporciona ótimo encaixe das pernas junto ao tanque. O guidão permite que o piloto mantenha os braços mais elevados, evitando a fadiga em longos percursos. Para o garupa, além do conforto do assento, que o deixa em posição mais elevada, as alças em alumínio, possuem ótima empunhadura.

A suspensão traseira monoamortecida do tipo Pro-Link e exclusiva balança de alumínio (Aluminium Swing Arm), proporciona pilotagem macia e agradável em todas as situações, mantém o pneu sempre em contato com o solo e amplia a capacidade de tração em qualquer terreno. Já a dianteira, do tipo garfo telescópico de longo curso, assegura elevada capacidade de absorção de impactos, robustez e resistência a torções.

A motocicleta conta também com o Sistema Honda de Proteção, composto por shutter-key (fechadura adicional acionada com chave sextavada e combinações magnéticas) e comb-lock (trava do guidão combinada à chave de ignição

quinta-feira, 27 de maio de 2010

PROPAGANDA FAN 150 ESI - BELISCÕES

PROPAGANDA FAN 150 ESI - BELISCÕES

NOVA PROPAGANDA DA FAN 150 ESI COM RONALDINHO GAUCHO

VEJA O CRACK DA BOLA E O CLACK DAS RUAS


Páginas